Estando a par da importância da otimização visual de um aplicativo, item que mencionamos no último post, chegou a vez de abordamos campos estratégicos de uma organização, englobando gestão e administração empresariais. Neste post falaremos sobre outsourcing.

Embaralhamos seus conceitos? Mantenha a calma e continue lendo, explicaremos os tópicos desse termo a seguir!

Out o quê?

Outsourcing, palavra que vem do inglês “out=fora” e “sourcing = fonte”, significa optar por alternativas de prestação de serviços “fora da fonte”, ou seja fora da empresa matriz. Em simples tradução, é sinônimo de terceirização.

Facilitando o rendimento dos serviços, o outsourcing carrega a função de agilizar os processos de gestão, além de retratar a ideia de parceria de negócios. Enquanto a empresa central desempenha suas atividades fim oficiais, a terceirizada é responsável por acelerar e auxiliar algumas das demandas estabelecidas via atividades contratadas.

Por exemplo, você tem uma agência especializada em comunicação e marketing e um de seus clientes, que é gestor de uma empresa que desenvolve máquinas de Jukebox, busca estar presente em meio mobile como apoio ao empreendimento. Sua agência desenvolve a tática, que é um aplicativo. Para colocar o projeto em prática que mão de obra externa você contrata? A WebTouch, é claro! E nesse caso, temos a prova concreta aqui. Legal, né?

E quais as vantagens?

Mas voltando aos conceitos, o outsourcing é uma estratégia bastante comum atualmente. Como em nosso exemplo, é frequente presenciarmos agências ou clientes finais terceirizando trabalhos, isso porque é vantajoso para ambas as partes, veja alguns benefícios abaixo.

Cada um no seu quadrado

No caso do desenvolvimento de uma aplicação mobile, a agência foca em suas principais funções, que partem da divulgação e consolidação de uma marca, e a terceirizada conquista novas parcelas de mercado e clientes trazendo à tona suas especialidades em TI/programação.

A execução se torna mais produtiva e articulada quando cada um exerce diferentes tarefas.

Redução de custos

Terceirizar serviços acaba sendo mais rentável do que criar um setor especializado no campo no interior da empresa. Se economiza em recrutamento em RH, equipamentos, remuneração de setor, entre outros fatores, o que acaba transformando custo fixos em custos variáveis.

Casando as áreas, a rentabilidade se faz presente para todos, cliente, agência e terceiros.

Qualidade de entrega

Como já citamos, a agilidade nos processos ganha força nesse ambiente.

Cada nicho profissional está especializado em sua área e executa os serviços e/ou produtos de forma bem estruturada. Com desenvolvedores especializados, dificilmente erros serão cometidos.

Lembra da gente, hein!

Você, gestor de agência ou empreendimento, já conhecia o termo outsourcing e faz uso dessa estratégia? Vamos trabalhar em conjunto?

Adoraríamos ter sua empresa em nossa cartela e partilhar as demandas de seus clientes. Somos especialistas em desenvolvimento de aplicações móveis e contamos com uma equipe super qualificada quando se trata de aplicativos. Temos todas as técnicas e materiais necessários. Entre em contato conosco e vamos planejar!

Fique de olho em nosso Blog e mantenha-se atualizado sobre o que é destaque em tecnologia.

Fontes:
http://www.sobreadministracao.com/outsourcing-o-que-e-e-como-funciona/
https://pt.yeeply.com/blog/vantagens-da-terceirizacao-de-projetos-de-aplicativos-moveis/

  • Compartilhar post
  • |

Newsletter

Acompanhe as novidades